A culpa não é do SCRUM

A culpa não é do Scrum e você deve parar de procurar culpados se quiser melhorar seus resultados. Deixando claro aqui que este conteúdo não é uma bronca de uma professora agilista. Maaaaaas pode ficar sendo. Brincadeira (risos).


A culpa não é do SCRUM


No dia 2 de fevereiro publiquei o artigo “Eu entrego, tu entregas, ele entrega e nós achamos os culpados”, que fala um pouco sobre esse que é um problema não só no universo da agilidade, mas um problema comportamental humano: querer achar um culpado para tudo que sai errado.


Todos nós, em diversas situações, por diversas vezes na vida e não só profissionalmente, ficamos tentados a encontrar culpados para determinados problemas que surgem, porque simplesmente não queremos admitir o nosso erro em alguma parte do processo.



E quando isso acontece na rodagem de um framework como o Scrum ou em uma das metodologias ágeis, a culpa sempre acaba caindo sobre eles; o primeiro pensamento é de que eles simplesmente não funcionam, porém, isso não é uma verdade!


É claro que esse problema é pior quando não se tem o sentimento de time. No entanto, mesmo quando o time é unido e a equipe se respeita e funciona bem, esse tipo de coisa também acontece, contudo, a culpa é jogada em outra área envolvida, como comercial, marketing, financeiro e etc.


No artigo “Eu entrego, tu entregas, ele entrega e nós achamos os culpados”, eu retrato bem esse cenário e mostro que não existem culpados únicos quando algo sai errado no projeto e que o problema está justamente em fazer a coisa de qualquer jeito, apenas para gerar entregas e depois sair apontando dedos e usando justificativas que não colam.


Neste mesmo artigo também explico que no Scrum, não importa o erro, seja ele grave ou simples, a culpa é de todos os envolvidos. E entender isso é o caminho para rodar o Scrum com sucesso nas empresas.


Aproveitando, recomendo a leitura do artigo. Está muito bom!


Mas, Bruna, se você já falou sobre isso antes, por que falar novamente hoje? Porque ainda quero apontar algumas saídas para esse problema, antes de encerrar o assunto.


Como solucionamos os problemas com Scrum?


Se você já me acompanha, sabe que o Scrum não é uma metodologia. Ele é um Framework. E como um bom framework, ele pode ser adaptado segundo as necessidades do time ou do projeto. Acontece que as pessoas adaptam tanto o Scrum, que ele deixa de ser um Framework e passa a ser o Frankenstein. Pode rir do trocadilho, mas entenda também que isso é muito sério!


A pergunta é: de quem é a culpa quando isso acontece?

Eu respondo: A culpa não é do Scrum em hipótese alguma! Acontece que fica muito fácil pegar o Scrum e distorcer ele todo, baseando-se apenas no fato de que ele é adaptável.


Gente, adaptação não tem nada a ver com distorção; e o fato dele ser adaptável não exime ninguém ou equipe alguma de ter que seguir a sua base de princípios e valores.


A primeira coisa que vai com certeza te ajudar a resolver esse problema é parar de querer adaptar o Scrum à empresa e procurar adaptar a empresa ao Scrum. Essa é a melhor forma de se trabalhar a gestão ágil como um todo.


Não se pode deixar de seguir as boas práticas, gente! Tem que programar a backlog, seguir as cerimônias, fazer as Sprints como manda ser feito, entender o conceito de time e aplicar os valores e princípios. E para isso tem que se fazer o aculturamento ágil da empresa na sua totalidade.


Acredito que esse artigo seja o último desta série e a conclusão é:

  • Parem de tentar achar culpados!

  • Parem de querer adaptar o Scrum à empresa ou seu modelo de gestão!

  • Esquece a hibridização (Scrumban ou Cascágil). Isso não funciona mesmo!

  • Faça o oposto disso, que é adaptar a sua empresa e o seu modelo de gestão ao Scrum.

Mas Bruna, eu estou há um ou dois anos tentando rodar o Scrum e não consigo fazer a adaptação, eu devo desistir então? Não. Vem falar comigo e conhecer o treinamento in company! Essa é uma solução que está acessível e disponível a todos, e já foi aplicada em empresas de grande sucesso, gerando os resultados desejados na rodagem do Scrum e outros frameworks e métodos.


Ou se preferir, aqui mesmo no meu site, você vai conseguir entender como funciona e como eu posso te ajudar com esse treinamento. Quer saber mais sobre aculturamento ágil e seus resultados? Clique aqui.


Quer entender mais sobre esse assunto? Leia os outros artigos da série sobre problemas com Scrum:

E você também assistir a um vídeo onde eu também falo mais sobre esse assunto clicando aqui e me seguir nas redes sociais clicando aqui.


Até o próximo conteúdo!


#sprint #agile #agilidade #SCRUM #lean #produtosdigitais #productowner #scrummaster #agilista #agilizareduca #brunafonsecapro

10 visualizações
  • Instagram Bruna Fonseca
  • Linkedin Bruna Fonseca
  • YouTube