top of page

Product Manager: a arte de priorizar e frustrar stakeholders

Os Product Managers (PMs) são como guias no que diz respeito a gestão de produtos digitais nas empresas, e precisam equilibrar a visão estratégica com as necessidades dos usuários e as demandas dos stakeholders. Facinho né?


Neste conteúdo, escrevi sobre a complexa tarefa de um Product Manager: planejar o desenvolvimento de um produto, focando na habilidade crucial de priorização e na inevitável arte de frustrar stakeholders.


Vem comigo analisar esse assunto de como os PMs definem metas e objetivos, avaliam o mercado e os concorrentes, e criam um plano de priorização eficaz.


Definindo Metas e Objetivos


Definir metas e objetivos sólidos é o primeiro passo para o sucesso de um produto digital. Um PM precisa ter uma compreensão clara da visão estratégica da empresa, das necessidades dos usuários e das metas do produto. Vamos entender:

  • Compreensão da visão estratégica da Empresa: O PM deve alinhar os objetivos do produto com a visão de longo prazo da empresa. Isso ajuda a garantir que o produto contribua para os objetivos gerais. Utilização de OKR podem facilitar, e muito nesse item.

  • Identificação das necessidades dos nsuários: Conhecer os usuários é essencial. Pesquisas, entrevistas e análises ajudam a identificar as necessidades e desejos dos clientes.

  • Acompanhamento de métricas de produto: Os KPIs (Key Performance Indicators) ajudam a medir o sucesso do produto. Essas métricas precisam ser definidas para que possamos acompanhar de fato o que é relavante e mede o sucesso do produto digital. O Framework HEART, é um excelente aliado para definir quais métricas devemos acompanhar.


Avaliando o Mercado e os Concorrentes


Um PM precisa entender o cenário competitivo e as tendências do mercado para tomar decisões baseadas em fatos e dados. Veja:

  • Análise de Concorrentes: Identificar quem são os concorrentes diretos e indiretos, analisar seus produtos, pontos fortes e fracos, e encontrar oportunidades para se destacar.

  • Análise de Mercado: Compreender as tendências do mercado, as necessidades não atendidas e as lacunas que o produto pode preencher.

Aqui, para os dois primeiros tópicos sugiro que você escute o PODCAST que eu gravei sobre BENCHMARKING para o canal Os Agilistas. Está Incrível...!



  • Pesquisa de Usuários: Coletar feedback constante dos usuários para ajustar o produto de acordo com as mudanças nas demandas e no ambiente competitivo.


Priorização e Frustração de Stakeholders


A priorização é uma habilidade essencial para um PM, mas também pode levar a frustrações por parte dos Stakeholders.


E como lidar com isso, é a pergunta de milhões.

  • Decisões baseadas em Dados: Priorizar recursos e funcionalidades com base em dados objetivos ajuda a evitar decisões arbitrárias.

  • Comunicação clara: Explicar as razões por trás das decisões de priorização pode reduzir a frustração dos stakeholders.

  • Gestão de Expectativas: É importante que os Stakeholders compreendam que nem todas as demandas podem ser atendidas imediatamente.

  • Flexibilidade e Adaptação: Os PMs devem estar preparados para ajustar as prioridades à medida que novas informações surgem.

Ser um Product Manager é uma tarefa complexa que envolve a arte de equilibrar as necessidades dos usuários, as demandas dos stakeholders e a visão estratégica da empresa.


Através da definição de metas sólidas, avaliação do mercado, desenvolvimento de planos de lançamento eficazes e habilidades de priorização, os PMs desempenham um papel crucial na gestão de produtos de sucesso.


E, embora muitas vezes frustrar Stakeholders seja inevitável em certos momentos, uma comunicação clara e uma abordagem centrada em dados ajudam a minimizar essa frustração, mantendo o foco no objetivo final: Oferecer produtos de qualidade que atendam às necessidades dos usuários.


E ai curtiu? Me conta!

14 visualizações

Comentarios


  • Instagram Bruna Fonseca
  • Linkedin Bruna Fonseca
  • YouTube
bottom of page